•  
 
 
 
 
Introdução

Atualmente a Internet é considerada o maior repositório de informações do mundo, recebendo, em média, de 10 a 20 milhões de novos documentos por dia. O objetivo principal da Internet é o compartilhamento universal do conhecimento.

Embora dotada de recursos de pesquisa, análise e síntese, a Internet carece de estratégias eficazes para a localização de documentos relevantes.

Desta forma, este curso visa dinamizar o processo de pesquisa de informações científicas e tecnológicas na Internet a fim de facilitar o acesso a documentos eletrônicos de qualidade por nossa comunidade acadêmica.

Pode-se inferir que fonte bibliográfica é o suporte que contém o conhecimento registrado, tal como o livro, a revista, o dicionário, um cd, etc. O ponto de partida para a pesquisa bibliográfica é o conhecimento preliminar sobre o acervo que poderá conter o assunto desejado.

Conceitos sobre a Internet

O endereço eletrônico consiste no seguinte:

URL - Um URL (de Uniform Resource Locator), em português Localizador Uniforme de Recursos, é o endereço de um recurso (um arquivo, uma impressora etc.), disponível em uma rede; seja a Internet, ou uma rede corporativa, uma.

HTTP - (acrônimo para Hypertext Transfer Protocol, que significa Protocolo de Transferência de Hipertexto) é um protocolo de comunicação (na camada de aplicação segundo o Modelo OSI) utilizado para transferir dados por intranets e pela World Wide Web.

WWW - a World Wide Web (que significa "rede de alcance mundial", em inglês; também conhecida como Web e WWW) é um sistema de documentos em hipermídia que são interligados e executados na Internet. Os documentos podem estar na forma de vídeos, sons, hipertextos e figuras. Para visualizar a informação, pode-se usar um programa de computador chamado navegador para descarregar informações (chamadas "documentos" ou "páginas") de servidores web (ou "sítios") e mostrá-los na tela do usuário. O usuário pode então seguir as hiperligações na página para outros documentos ou mesmo enviar informações de volta para o servidor para interagir com ele. O ato de seguir hiperligações é comumente chamado de "navegar" ou "surfar" na Web.

Domínio – é um nome que serve para localizar e identificar conjuntos de computadores na Internet. O nome de domínio foi concebido com o objetivo de facilitar a memorização dos endereços de computadores na Internet. Nome que segue o WWW – Exemplo: unesco.org

Extensão – Indica a característica ou local de origem do documento ou do endereço eletrônico – Exemplo – org (não governamental); gov (governamental); edu (educação); com (comercial); br (Brasil); ar (Argentina)

Estratégias de pesquisa na Internet

O ponto de partida para a realização de uma pesquisa na Internet com sucesso é a definição de palavras-chave e a combinação entre elas com o objetivo de focalizar a busca no resultado que se espera alcançar.

A pesquisa na Internet pode ser feita de duas formas:

1. Através de URLs – http://www.dominio.ext
2. Através de mecanismos de busca ou indexadores de sites, tal como o google, yahoo, altavista, cadê, etc.

A opção por cada uma depende do nível de informação que o pesquisador possui sobre o objeto de pesquisa.

Pesquisa através de URL’s

Esta modalidade de pesquisa é viável quando o objeto de pesquisa se trata de alguma instituição ou área específica. Demanda como pré-requisitos a posse de informações sobre o objeto a ser pesquisado, além da definição correta do endereço eletrônico.

Para ilustrar tomamos como exemplo a Faculdade de Jaguariúna. É preciso conhecer a identificação correta da Instituição “Faculdade de Jaguariúna” e a URL correta para o acesso www.faj.br.

Pesquisa através de mecanismos de buscas ou indexadores de sites

Esta modalidade de pesquisa é viável quando o objeto de pesquisa se trata de assunto com mais de um conceito, tal como “Educação e Desenvolvimento Sustentável”. Demanda como pré-requisitos a habilidade para definir as palavras-chave e o conhecimento sobre o mecanismo de busca mais eficiente.

Definição de palavras-chave

Se o pesquisador deseja informações sobre Educação e Desenvolvimento Sustentável, é melhor especificar a busca como frase, entre aspas "Educação e Desenvolvimento Sustentável". Caso contrário o resultado será dado com base nas palavras "educação", "desenvolvimento" e “sustentável” constantes em um texto, independente da relação entre elas.

Restrição ou expansão de pesquisas

A maioria dos mecanismos de buscas possibilita a restrição ou a expansão de pesquisas através de sinais ou de lógicas booleanas. Os sinais (+ mais) e (- menos) são adotados quando se deseja incluir ou excluir determinada informação ao objeto pesquisado.

As lógicas booleanas consistem na adoção dos termos AND, OR, NOT, NEAR.

O AND (tradução: e) é utilizado para recuperar sites que abordem os dois termos ao mesmo tempo; sites sem esta característica não serão recuperadas. Ex.: “AND saúde AND pública" (serão recuperados todos os sites que contenham ambos os termos).

O OR (tradução: ou) é utilizado para recuperar informações sobre um termo ou outro; sites que contenham os dois termos não serão recuperados. Ex.: “OR previdência OR social” (serão recuperados todos os sites que contenham um termo ou o outro).

O NOT (tradução: não) é utilizado para excluir algum termo quando na recuperação de sites. Ex.: “AND escola AND NOT secundária” (serão recuperados sites que contém informações sobre escolas, exceto aqueles que abordam sobre as escolas secundárias).

O NEAR é utilizado para recuperar sites que contém termos próximos àquele que se espera alcançar de fato. Ex.: “previdência social NEAR reforma” (serão recuperados sites que contém termos próximos a aquele que se espera alcançar).

Mecanismos de buscas

Atualmente há vários mecanismos de buscas. Entretanto alguns se destacam pela rapidez e eficiência na recuperação de sites e informações. Ressaltamos que esses buscadores devido à grande quantidade de informações que comportam, não trazem veracidade e relevância em todas as informações disponíveis, desta forma, deve haver cautela quanto as informações utilizadas nesses sites. Os mecanismos que mais se destacam no momento são o Google, o Yahoo, o Alta Vista e o Dog Pile. Abordaremos cada um com especificidade.

GOOGLE - www.google.com.br

É o mecanismo de busca mais requisitado, sendo reconhecido pela eficiência e agilidade na recuperação de conteúdos virtuais, além da pureza visual de sua página inicial. Este mecanismo disponibiliza os seguintes recursos:

- Acesso, através de pesquisas, a uma coleção de 4,3 bilhões de sites;
- Realização de pesquisa através de estratégia simples ou avançada;
- Definição de preferências, incluindo o número de resultados por página, o idioma e a tradução dos resultados.
- Ferramentas de idiomas para a tradução de textos;
- Indicação do número de resultados encontrados e o tempo gasto para a pesquisa;
- Visualização do tamanho (Kb) do arquivo encontrado.

Além dos sites o Google disponibiliza imagens da rede, notícias, discussões e mensagens de fóruns, use net newsgroups e informações sobre todo tipo de produtos.

O Google também disponibiliza outros métodos de busca, no qual se destaca Google acadêmico que traz informações direcionadas a área acadêmica, sendo considerada menos dispersa e mais confiável.

YAHOO - www.yahoo.com.br

É considerado o mecanismo de busca mais antigo na Internet, com dez anos de operação. Oferece um excelente diretório, com informações agregadas por temas, países, cidades, áreas de conhecimento, etc. Este mecanismo disponibiliza os seguintes recursos:

- Criação e hospedagem gratuita de páginas na Internet;
- Criação de emails;
- Disponibilização das últimas e principais notícias do mundo inteiro;
- Propaganda de diversos produtos;
- Organização de diretórios conforme a característica do recurso;
- Comércio eletrônico;
- Acesso, através de pesquisas, a conteúdos virtuais e a imagens;
- Realização de pesquisa através de estratégia simples ou avançada.

Embora seja pioneiro na oferta de conteúdo virtual, é subutilizado devido a poluição visual de sua página inicial e pela obsolescência em relação aos mecanismos mais novos, tal como o Google.

ALTA VISTA - www.altavista.com.br

Este mecanismo disponibiliza uma grande base de dados indexados, além das ferramentas de tradução de páginas, mapas, gerenciamento pessoal de pesquisas, buscas específicas de arquivos de áudio, imagens e vídeo. Para melhor ilustrá-lo são descritos os principais recursos:

- Acesso a conteúdos virtuais mediante realização de pesquisas;
- Realização de pesquisa através de estratégia simples ou avançada;
- Acesso a imagens, áudio e vídeo;
- Organização de diretórios conforme a característica do recurso;
- Criação e hospedagem de páginas na Internet.

DOG PILE - www.dogpile.com

É um mecanismo de "metabusca" que vasculha aproximadamente 600 mecanismos de busca em um só momento". A vantagem de usar esse sistema é a de poder consultar, ao mesmo tempo, as bases de dados de outros engenhos como Google, Yahoo, Alta Vista e outros.

Acesso gratuito a informações científicas e tecnológicas

SISTEMA DE BIBLIOTECAS DA UNICAMP

A UNICAMP também disponibiliza vários produtos e serviços de informação, inclusive acesso ao catálogo coletivo. Tais como:

- SISTEMAS DE BIBLIOTECAS DA UNICAMP: disponibiliza todos os conteúdos informativos e produtos e serviços da universidade.
Disponível em: http://www.sbu.unicamp.br/

- BIBLIOTECA DIGITAL DA UNICAMP: disponibiliza teses e dissertações defendidas na universidade a partir de 2003.
Disponível em: http://libdigi.unicamp.br

- ACERVO DE PERIÓDICOS: disponibiliza a consulta ao acervo de periódicos, informa somente os dados dos exemplares, não obtendo o material on-line.
Disponível em: http://sisadm1.unicamp.br:8000/biblioteca/PESQ_PERIOD_PAL.HTML

- PORTAL DE REVISTAS DA USP: A Universidade de São Paulo (USP) oferece um portal que dá acesso via internet, ao texto completo das revistas produzidas pela Universidade e credenciadas pelo Programa de Apoio às Publicações Científicas Periódicas da Instituição. 
Disponível em: www.revistasusp.sibi.usp.br

- BIBLIO – BIBLIOTECA VIRTUAL DE LITERATURA: Você tem acesso a obras em domínio público dos maiores autores de nossa língua portuguesa, para leitura imediata. 
Disponível em: http://www.biblio.com.br

- BIBLIOTECA VIRTUAL DE EDUCAÇÃO: Esta base de dados promove estudos, pesquisas e avaliações sobre o Sistema Educacional Brasileiro com o objetivo de subsidiar a formulação e implementação de políticas públicas para a área educacional a partir de parâmetros de qualidade e eqüidade, bem como produzir informações claras e confiáveis aos gestores, pesquisadores, educadores e público em geral.
Disponível em: www.inep.gov.br.

Na biblioteca virtual de educação acesse: http://bve.cibec.inep.gov.br

- BIBLIOTECA VIRTUAL DO ESTUDANTE BRASILEIRO: Desde 1997 disponibilizando gratuitamente vasta quantidade de informação qualificada, atualizada e facilmente acessível, proporcionando auxílio às pesquisas escolares, e servindo como subsídio para o desenvolvimento de atividades curriculares e extra-curriculares. 
Disponível em: http://www.bibvirt.futuro.usp.br/

- BDTD – BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES: BDTD objetiva integrar, em um só portal, os sistemas de informação de teses e dissertações existentes no país, assim como disponibilizar em todo o mundo, via Internet, o catálogo nacional de teses e dissertações em texto integral. O portal tem como proposta, além de disponibilizar gradativamente, para consulta ou download, a produção nacional de teses e dissertações, oferecer aos usuários produtos e serviços integrados capazes de proporcionar aumento significativo ao impacto de suas pesquisas. Consulte os produtos e serviços. Acesse, conheça.
 Disponível em: http://bdtd2.ibict.br/

- BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES DA USP: Parte das teses e dissertações defendidas na Universidade de São Paulo está disponível para consulta na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações. O usuário pode pesquisar o conteúdo desejado a partir de palavras-chave, além de consultar a relação dos materiais disponíveis por tipo (tese de doutorado, dissertação de mestrado ou tese de livre-docência), área do conhecimento (humanas, exatas e biológicas) ou pela unidade responsável pelo trabalho.
Disponível em: http://www.teses.usp.br/

Outros links interessantes:

- DOMÍNIO PÚBLICO – BIBLIOTECA DIGITAL.
Disponível em: www.dominiopublico.gov.br

- INSTITUTO BRASILEIRO DE INFORMAÇÃO EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA.
Disponível em: www.ibict.br

- LIVRE - CENTRO DE INFORMAÇÕES NUCLEARES.
Disponível em: http://livre.cnen.gov.br

- LIVRO ELETRÔNICO – A SOCIALIZAÇÃO DO CONHECIMENTO.
Disponível em: http://www.e-livro.com/index.asp (Português)

- PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES.
Disponível em: www.periodicos.capes.gov.br (Português)

- PROSSIGA – BIBLIOTECAS VIRTUAIS TEMÁTICAS: é uma iniciativa em parceria – IBICT, MCT e CNPq – que visa a difusão do conhecimento científico e tecnológico em diversas áreas do conhecimento.
 Disponível em: http://www.prossiga.br/bvtematicas/

- PROSSIGA – PORTAL DE INFORMAÇÃO EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA: como no item anterior, é uma iniciativa em parceria – IBICT, MCT e CNPq – que visa a difusão do conhecimento científico e tecnológico em diversas áreas do conhecimento. 
Disponível em: http://www5.prossiga.br/informacaoct/

- PUBLIC LIBRARY OF SCIENCE: É uma iniciativa sem objetivo de lucro que visa prover a comunidade científica de acesso livre e integral à publicações científicas de alta qualidade, sem restrições de uso e distribuição. 
Disponível em: www.plos.org

- RED DE REVISTAS CIENTÍFICAS DE AMÉRICA LATINA Y EL CARIBE (Red ALyC): é um projeto da UNAM (México) que visa o desenvolvimento de um portal de livre e sem restrições de acesso a revistas científicas latino-americanas. 
Disponível em: http://redalyc.uaemex.mx/

- RIS – REDE DE INFORMAÇÕES E SERVIÇOS.
Disponível em: www.pit.com.br

- SCIELO – SCIENTIFIC ELETRONIC LIBRARY ONLINE: é uma base de dados nacional da área da saúde. Atualmente o acesso é livre, mas não há garantias assim permanecerá. 
Disponível em: www.scielo.br

- SISTEMA DE BIBLIOTECAS UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO: Promove o acesso e incentiva o uso e a geração da informação, contribuindo para a qualidade do ensino, pesquisa e extensão, em todas as áreas do conhecimento: http://www.usp.br/sibi/
 


 
 
 
UNIESP Solidária Biblioteca/
Publicações
TV UNIESP Rádio UNIESP Inclusão
com Arte
Projeto Ambiental EAD Notícias Imprensa Trabalhe
Conosco